maternidade2.JPG

O Núcleo da Maternidade de Árvores é um espaço de educação ambiental e viveiro de espécies arbóreas e arbustivas autóctones.

 

A Maternidade das Árvores está instalada num terreno na Aigra Nova cedido gratuitamente por um habitante local. Dispõe de milhares de árvores e arbustos cujo destino são essencialmente as plantações na zona da Rede Natura 2000 da Serra da Lousã ou noutros espaços, quando solicitados por parceiros locais.

Enquanto se encerram Maternidades no Interior de Portugal, em Góis na Aldeia do Xisto Aigra Nova, abriu uma Maternidade com milhares de rebentos – espaço único no nosso país!


Trata-se de um Núcleo de Educação Ambiental onde é possível conhecer o processo de reprodução de espécies autóctones.

Uma área importante da gestão da Maternidade de Árvores, são os apadrinhamentos de árvores por pessoas que apoiam com 15€ anuais, a manutenção e crescimento da sua árvore.

Vejamos como funciona este processo: o padrinho dá um nome à árvore e a Lousitânea, identifica-a com uma placa de identificação; todos os anos enviamos sms ou mails com informação da árvore, uma folha que caia ou uma fotografia quando as folhas rebentam na primavera (no caso das caducas); quando a árvore estiver pronta para sair da Maternidade e ir para a natureza, convidamos o padrinho(a) para vir à Serra da Lousã, plantá-la num local que previamente escolheremos e onde essa árvore passará a ter um novo papel: crescer e reproduzir-se, contribuindo assim para o aumento da biodiversidade e a conservação dos habitats.

No Núcleo da Maternidade de Árvores, os participantes podem: Visitar o Núcleo da Maternidade de Árvores; Realizar programas de Educação Ambiental; Fazer Apadrinhamento de Árvores e Contribuir para Campanhas de Plantação de Árvores.

O símbolo deste núcleo de educação ambiental é o símbolo da maternidade, no entanto substitui-se o bebé pela árvore. As árvores que são aqui produzidas e reproduzidas não se destinam exclusivamente à venda comercial, embora isso seja possível e aconteça. As árvores têm também e não menos importante, como destino a plantação na natureza e muitas delas no espaço geográfico da Serra da Lousã de forma gratuita e voluntária.

 

Estas plantações são seleccionadas de acordo com a importância ecológica dos locais propostos e das parcerias existentes.

Contacto